Solidariedade da Sorte

Lavradora denuncia que não consegue registrar em delegacia na BA ameaça de vizinho suspeito de atirar no cachorro dela — Foto: Arquivo Pessoal

Uma lavradora da zona rural de Jacobina, cidade que fica no norte da Bahia, está aflita por não conseguir denunciar uma ameaça de morte que recebeu do vizinho, na delegacia do município. Segundo Angra Barboza, o homem atirou no cachorro dela, porque de acordo com ele, o animal teria comido 15 galinhas na fazenda dele.

O caso aconteceu na quinta-feira (3), mesmo dia em que Angra Barboza, por medo, procurou a polícia para registrar o caso. De acordo com a lavradora, ela foi orientada a voltar em oito dias, porque o delegado não estava no local para fazer o atendimento.

"Tenho medo o pânico, porque se trata de um vizinho que está próximo, está vendo todos os movimentos da gente, entrando e saindo. Um cidadão que até os próprios familiares dele falaram que ele é uma pessoa que a gente não tem que ter confiança", disse a lavradora.

O g1 entrou em contato com a Polícia Civil, que, através de nota, informou que o caso não foi registrado na quinta-feira (3), por causa de uma queda de energia, e que Angra Barboza foi orientada a aguardar ou retornar ao local depois.

De acordo com a lavradora, a família dela está com medo que outros cachorros passem pela mesma situação que "Bolinha".

"Desde o momento que aconteceu isso com meu animal, nós não temos sono, não estamos tendo mais o sossego que tínhamos", contou.

"O meu menino antes gostava de jogar bola, mas não estou deixando ele sair. O meu cachorro assustado, fica dentro da casa, não quer sair do quarto como fazia antes".

O g1 entrou em contato com o vizinho da lavradora, mas não foi respondido.

Lavradora denuncia que não consegue registrar em delegacia na BA ameaça de vizinho suspeito de atirar no cachorro dela — Foto: Arquivo Pessoal

Tiros no cachorro
O animal precisou fazer cirurgia após receber 20 tiros de chumbo e se recupera em casa.

"Passou por um procedimento, uma cirurgia, e só no pescoço tinha 10 chumbos, na região da barriga na região da pata, mas já passou por uma cirurgia e o veterinário disse que ele não corre risco de morte", disse a dona do animal.

Angra Barbosa conta que não acredita que o cachorro dela comeu as galinhas do vizinho.

"Segundo ele, o meu cachorro teria comido 15 galinhas dele. Segundo ele, porque eu crio galinha, outros vizinhos também criam e meu cachorro nunca comeu galinha em canto nenhum".

"Eu crio esse animal desde pequenininho e aí hoje foi a primeira vez que ele chegou para mim e relatou que atirou porque ele tinha comido 15 galinhas", afirmou a lavradora.

A lavradora informou ainda que foi a primeira vez que o cachorro dela foi alvo do vizinho, mas que ele já atirou em outros animais da vizinhança e que os casos não foram registrados por medo.

"Não é a primeira vez que ele faz isso e os outros tem medo de denunciar. Eu sou uma mulher, mãe de três filhos, então estou com a cara e coragem, porque uma barbaridade dessa não se faz", relatou.
Fonte: G1

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA