Solidariedade da Sorte

Foto: Wilson Dias | Agência Brasil

O ex-juiz federal, ex-ministro da Justiça e Segurança Pública e possível candidato ao Planalto em 2022, Sérgio Moro disse, em entrevista à CNN Brasil na terça-feira, 23, que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não venceria a eleição presidencial de 2018 porque a maior parte da população não teria escolhido o petista como candidato favorito. “O ex-presidente insistiu na sua candidatura em 2018 quando estava inelegível. E, no fundo, ele foi poupado de uma derrota”.

Na ocasião, o petista era o líder das pesquisas eleitorais e foi preso meses antes do pleito, após ser condenado no caso do triplex do Guarujá. Sérgio Moro, por outro lado, foi nomeado ministro do presidente eleito, Jair Bolsonaro, que era o principal concorrente de Lula.

Também na entrevista, o ex-juiz federal disse que a anulação dos processos contra Lula pelo Supremo Tribunal Federal (STF) foi “erro judiciário” e que “o tempo vai dizer”. Moro é pré-candidato à presidência da República pelo Podemos e deixou de ser ministro de Bolsonaro em abril do ano passado.
Fonte: A Tarde

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA