SOLIDARIEDADE DA SORTE

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA


Um vídeo mostrando um homem branco e rico humihando um motoboy com ofensas racistas e classistas viralizou nas redes sociais. O caso teria acontecido em um condomínio de luxo na cidade de Valinhos, interior de São Paulo.

Na discussão, o homem branco menospreza o fato de o entregador ser motoboy. “Quanto que você tira por mês?”, questiona. O entregador responde que não importa, e o homem branco rebate: “você não tem nem onde morar, moleque”. E o entregador rebate: “claro que tenho”.

“Você tem inveja disso aqui, fio. Você tem inveja”, diz o homem branco, apontando para as casas de alto padrão. O entregador tenta conversar com um terceiro homem, mas o agressor o interrompe. “Moleque, moleque, escuta aqui, ó. Você tem inveja disso aqui, rapaz. Você tem inveja dessas famílias. Você tem inveja disso aqui [o homem branco aponta para o seu próprio braço, querendo dizer que o entregador tem inveja da cor de sua pele]”.

O entregador tenta argumentar, dizendo que ele pode ter os mesmos bens que ele. É aí que o homem branco fica ainda mais revoltado e eleva o tom: “Você nunca vai ter”. A discussão continua, com o entregador não baixando a cabeça, e rebatendo: “O senhor conseguiu por quê? Porque o seu pai te deu, ou por que você trabalhou?”, questionou.

O homem branco responde: “Eu já nasci rico”. O entregador continua: “Então, o senhor trabalhou, o senhor trabalhou?”. “Por muito tempo”, responde o homem branco. A discussão continua, até que o vídeo é interrompido.

Assista:
O vídeo motivou a criação da hashtag #racismoecrime, que se tornou o assunto mais comentado do Twitter na manhã desta sexta-feira (7).

Fonte: Correio

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO DO ESTADO

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA