Paciente aguarda há 17 dias por transferência na UPA de Jacobina; família pede ajuda


A paciente Adelvita Silva, de 49 anos, moradora da comunidade de Cachoeira dos Alves, no município de Jacobina, enfrenta uma situação desesperadora. Há 17 dias, ela aguarda por uma transferência para um hospital adequado ao seu tratamento, enquanto seu quadro clínico se agrava a cada dia.

Adelvita deu entrada na UPA 24 Horas de Jacobina no dia 13 de junho, às 12h47, apresentando problemas respiratórios e suspeita de pneumonia. Após a realização de exames radiográficos, foi constatado que a paciente apresentava derrame pleural à esquerda, uma condição grave que requer tratamento especializado.

Diante do quadro clínico de Adelvita, a equipe médica da UPA 24 Horas solicitou sua transferência imediata para um hospital adequado, por meio do Sistema de Regulação Estadual. No entanto, desde então, a espera tem sido longa e angustiante para a paciente e sua família.

A filha de Adelvita, Lanny Silva, que acompanha a mãe na unidade de saúde, já recorreu a diversos meios para tentar agilizar a transferência, mas até o momento, nenhuma medida efetiva foi tomada. A angústia e o desespero tomam conta da família, que teme pelo agravamento do estado de saúde de Adelvita.

Nesta quinta-feira (27), Lanny decidiu buscar ajuda junto à reportagem do blog Jacobina 24 Horas, na esperança de sensibilizar as autoridades responsáveis e acelerar o processo de transferência de sua mãe para um hospital que possa oferecer o tratamento adequado.


A imagem de Adelvita Silva, debilitada e sofrendo na UPA 24 Horas, ao lado de sua filha Lanny, é um apelo desesperado por uma ação imediata das autoridades de saúde. Cada dia de espera representa um risco crescente à vida da paciente, que necessita urgentemente de cuidados especializados.

É inadmissível que uma cidadã precise aguardar por tanto tempo para receber o tratamento adequado, especialmente quando seu quadro clínico é grave e requer intervenção imediata. As autoridades responsáveis devem tomar medidas urgentes para garantir a transferência de Adelvita Silva para um hospital capacitado, assegurando assim seu direito fundamental à saúde e à vida.

A reportagem do blog Jacobina 24 Horas continuará acompanhando de perto o caso de Adelvita Silva, cobrando das autoridades uma solução rápida e eficiente para essa situação crítica. Não podemos permitir que vidas sejam colocadas em risco devido à morosidade e à falta de ação dos responsáveis pela saúde pública.

Fonte: Jacobina 24 Horas


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA