Solidariedade da Sorte


Caso do esquema aconteceu em Fortaleza e Eusébio, no Ceará / Divulgação/ Polícia CIvil Redação BNews

A Cooperativa de Trabalho de Atendimento Pré-Hospitalar LTDA (COAPH), que presta serviço ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), no Ceará, está sendo investigada pela Polícia Civil por participar de um esquema criminoso.

Sete mandados de busca e apreensão foram executados pelas autoridades policiais nesta quinta-feira (30). Os mandados foram expedidos e cumpridos nas residências dos principais suspeitos em Fortaleza e no município de Eusébio.

Após auditoria realizada pela Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), que contratou a empresa, foram flagrados indícios de favorecimento financeiro para alguns profissionais e gestores da área. A operação, denominada como Karkinos, conta com 50 policiais e tem como objetivo investigar crimes de peculato, fraude à licitação, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

A Coaph informou, por meio de nota, que às 6 horas foram surpreendidos com as autoridades policiais realizando o procedimento de busca e apreensão na sede da Cooperativa. A empresa também afirma que está cooperando com a polícia durante as investigações. "Estamos à disposição da imprensa para falar sobre o assunto e reafirmamos nosso compromisso com a verdade dos fatos e reforçamos que as atividades são lícitas, não havendo quaisquer irregularidades a serem identificadas. Ressaltamos que acreditamos na importância da Polícia e do Poder Judiciário para apuração dos fatos", informa.

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

PI 39456 MOYA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA