Solidariedade da Sorte


Foto: Reprodução/Redes Sociais

O caminhoneiro Renato Gomes de Araújo, de 40 anos, foi morto a tiros na tarde desta terça-feira (17), na Avenida Eduardo Froes da Mota, bairro Nova Esperança em Feira de Santana.

Segundo testemunhas, ele havia estacionado o caminhão em uma oficina e caminhava em direção a uma concessionária localizada na mesma avenida, quando foi abordado por dois homens que estavam em uma moto e realizaram os disparos. Ele foi alvejado no peito.

Ao Acorda Cidade, a delegada Thiara Martins Duarte, quem efetuou o levantamento cadavérico, juntamente com policiais civis e peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), informou que câmeras de monitoramento já foram identificadas próximo ao local do crime e as imagens serão requisitadas para elucidação do crime.

“Efetuamos o levantamento cadavérico e no local tivemos a informação que se tratava de um caminhoneiro. Ele é proveniente da cidade de Anápolis, estado de Goiás e estava na cidade fazendo uma entrega de mercadoria em uma rede de supermercado, onde teria pernoitado no seu próprio caminhão na noite de ontem. Na manhã de hoje, esteve em um estabelecimento comercial ali nas proximidades fazendo alinhamento do seu veículo, e de lá teria saído a pé para comprar peças e neste trajeto teria sido abordado por dois indivíduos em uma moto preta. Identificamos alguns estabelecimentos comerciais ali na vizinhança que possuem câmeras e vamos requisitar estas imagens”, disse.

Ainda de acordo com a delegada, o aparelho celular do caminhoneiro foi roubado.

“Foi subtraído o aparelho celular e essa linha de investigação do latrocínio, obviamente é uma linha preliminar de investigação. A gente vai confirmar, e confirmando, a gente vai encaminhar o procedimento para a unidade responsável com a atribuição para investigação deste caso. A abordagem tem todo um contexto, tem toda uma circunstância que vai fazer a gente concluir em um sentido ou em outro, mas a princípio, a vítima não tem passagem pela polícia, não tem nenhum tipo de ligação com práticas ilícitas, não é da cidade, então a gente primeiro trabalha com essa linha de investigação, ainda mais com investigação que dois indivíduos vinham em uma moto fazendo assaltos durante todo o dia de hoje naquelas proximidades, então essas informações estão casando, então a gente não descarta essa primeira linha de investigação como latrocínio”, concluiu.

Fonte: Acorda Cidade

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

CAMARA DE JACOBINA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA