Solidariedade da Sorte


O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse, nesta quinta-feira (26), que iria se "inteirar" sobre a morte de um homem, por asfixia, em Sergipe, após ser detido por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O homem foi colocado no porta-malas de um carro da PRF tomado por fumaça. “Vou me inteirar com a PRF", disse o presidente, após ser questionado por jornalistas.

Segundo familiares, Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, tinha esquizofrenia e tomava remédios controlados havia cerca de 20 anos. A mulher dele acusou os policiais de agirem "com crueldade para matar".
Fonte: Metro 1

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

CAMARA DE JACOBINA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA