Solidariedade da Sorte

As agressões ocorreram durante uma corrida que saiu do bairro Rio Vermelho, tinha uma parada no Candeal, e o destino final em Brotas / Redação

Um motorista do aplicativo 99 Pop, de 27 anos, foi agredido e teve seu carro destruído após uma briga de trânsito, no bairro do Candeal, em Salvador, na madrugada deste sábado (2). As agressões ocorreram durante uma corrida que saiu do bairro Rio Vermelho, tinha uma parada no Candeal, e o destino final em Brotas.

A corrida foi interrompida na primeira parada, quando o motorista e os passageiros foram surpreendidos por um homem ainda não identificado, que agrediu o profissional e destruiu seu veículo após uma discussão de trânsito. A situação foi gravada pelo motorista, identificado como Mateus de Jesus que gravou o ocorrido e publicou nas redes sociais.

Nas imagens, o homem que agrediu Mateus aparece com uma camisa rosa e calça escura. Exaltado, ele acusa Mateus de ter batido no carro dele. Ao Correio, Mateus explicou que um outro motorista que vinha na contramão, ao perceber a confusão, foi embora e disse que não iria pagar nada.

“O cara que vinha na contramão foi embora. Disse que não ia pagar nada a ele [ ao agressor]. Aí ele virou para mim, disse ‘não vou ficar no prejuízo. Você vai ver o que é prejuízo’. E ele começou a quebrar meu carro todo. No que ele começou a quebrar meu carro, eu comecei a gravar. Ele me deu chute. Eu comecei a correr. Eu me afastando dele e ele vindo atrás de mim. Ele meteu o sapato no vidro do meu carro. Ele afirma no vídeo que ele quebrou mesmo. Ele queria que eu pagasse um prejuízo que foi ele que bateu no meu carro. E os passageiros estavam dentro do carro quando ele quebrou o vídeo”, explica. Segundo Mateus, o agressor aparentava sinais de embriaguez.

Ao deixar o local, Mateus foi à 7ª Delegacia Territorial, no Rio Vermelho, na tentativa de registrar a ocorrência. Encontrou a unidade fechada. Ele relata que durante o percurso não encontrou nenhuma viatura para que pudesse relatar o ocorrido. Segundo ele, outros colegas, também motoristas de aplicativo, o orientaram a procurar a Delegacia Territorial de Brotas. Por fim, realizou, ainda durante a madrugada, um Boletim de Ocorrência por meio da Delegacia Virtual. Na manhã deste domingo (3), recebeu a devolutiva do documento apenas com a assinatura digital de um escrivão.

Mateus também afirma ter feito o registro do ocorrido junto à 99, plataforma à qual prestava serviço.

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA