Solidariedade da Sorte


Foto: Divulgação/SEC

O Colégio Estadual Raphael Serravalle, localizado no bairro da Pituba, em Salvador, suspendeu uma prova que seria aplicada aos estudantes nesta segunda-feira (25). O motivo para o adiamento foi uma ameaça de massacre.

Em nota nas redes sociais, a direção do colégio afirmou que o caso foi registrado na Secretaria de Educação do Estado da Bahia (SEC) e na 13ª Companhia da Polícia Militar.

As aulas foram suspensas e a Polícia Militar foi acionada para reforçar a segurança da unidade de ensino. Uma reunião geral dos professores e funcionários também deve ser feita ainda hoje.

"Mesmo com todas as medidas sendo tomadas… é notório que estamos assustados com a situação. Porque ao mesmo tempo que pode ter sido um ato de vandalismo, pode ter sido um aviso para nós. E é imprescindível que os órgãos competentes promovam a harmonia, tranquilidade e segurança da nossa comunidade do Serravalle", escreveu a diretoria no Instagram do colégio.

É a segunda vez, só no mês de abril, que um colégio sofre esse tipo de ameaça em Salvador. No início do mês, a escola particular Titânia, do bairro de Fazenda Grande IV, reportou à Polícia Civil que um perfil anônimo em uma rede social havia postado fotos de armas e nomes de alunos com uma ameaça de massacre no local.

Fonte: Metro 1

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA