Solidariedade da Sorte

Criminoso foi localizado com a ajuda de transações por pix e da internet / Reprodução Arquivo Pessoal Redação Bnews

Um homem levou a prisão, após 12 anos, o homem que assassinou seu pai, em São Paulo. O líder de produção Leandro Rodrigues, de 28 anos, conseguiu pistas da localização do suspeito pelo crime, que estava foragido.

O homicídio ocorreu em 2010, quando Leandro ainda era adolescente, e o pai dele, Elder Alves, tinha 38 anos. A vítima estava indo até uma delegacia registrar um boletim de ocorrência contra o suspeito, que já havia o agredido e o ameaçava de morte, quando foi atingida por dois tiros e um dos disparos atingiu o coração. Elder morreu na hora.

Leandro afirma que, após investigações, a Justiça decretou a prisão do suspeito, mas ele estava foragido desde então. Porém, o filho da vítima nunca desistiu de localizá-lo.

O homem fez uma pesquisa na internet e descobriu que o suspeito abriu uma empresa usando seu nome verdadeiro em Aracaju, porém, deu um telefone de Curitiba. Em entrevista a um site, ele revelou que através das transações de pix traçou sua rota de investigação.

"Eu liguei na polícia de Aracaju, confirmaram que era ele [o dono], e aí, passei a investigar mais a parte de Curitiba. Fiz um PIX para o CNPJ, e apareceu o nome dele. Depois, fiz um PIX para o número de celular dele que consegui, e apareceu o nome da mulher dele", afirma.

Ele conseguiu localizar a mulher nas redes sociais, e o perfil do suspeito também, identificando que ele estava vivendo na Fazenda Rio Grande, no Paraná.

A Polícia Civil no Paraná confirmou a prisão do suspeito, e que ele foi capturado pela Guarda Municipal de Fazenda Rio Grande, por cumprimento de mandado de prisão. Informou, também, que a investigação está a cargo da Polícia Civil em São Paulo.

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA