Solidariedade da Sorte

O Partido Liberal acionou o TSE neste sábado (26), após a cantora Pabllo Vittar se manifestar politicamente contra Bolsonaro e a favor de seu principal adversário, Lula.

O ministro entendeu que "a manifestação exteriorizada pelos artistas durante a participação no evento, tal qual descrita na inicial, e retradada na documentada anexada, caracteriza propaganda político-eleitoral" e proibiu "a realização ou manifestação de propaganda eleitoral ostensiva e extemporânea em favor de qualquer candidato ou partido político por parte dos músicos e grupos musicas que se apresentem no festival", sob pena de multa de R$ 50.000,00 por ato de descumprimento.

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que proibiu manifestações eleitorais no festival Lollapalooza, em São Paulo, já negou liminar pedida pelo Partido dos Trabalhadores (PT) para a retirada de outdoors em defesa do presidente Jair Bolsonaro (PL). As decisões foram publicadas em fevereiro e março.

Na ação, o PT afirmava que existiam outdoors, “com mensagens que exaltam supostas qualidades pessoais do atual presidente da República, afixados em fazendas dos Estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, o que configuraria antecipação da campanha eleitoral para as eleições deste ano”.

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

PI 86258 SLA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA