Solidariedade da Sorte


A rebelião teve início na tarde de domingo (20); órgão apuram presença de arma de fogo no espaço / Alberto Maraux/SSP-BA Redação BNews

O saldo da rebelião que aconteceu na noite de domingo (20), no Complexo Prisional da Mata Escura, em Salvador, é de, até o momento, cinco mortos e 18 feridos, de acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA).

Agora, o órgão e a Administração Penitenciária (Seap) investigam a entrada de arma de fogo no complexo prisional, já que, antes do motim, funcionários do espaço escutaram barulho de tiros.

A rebelião teve início por volta das 15h, no pátio do Complexo. A suspeita é de que uma organização criminosa havia ordenado, de fora da cadeia, que o seu grupo executasse todos os rivais, segundo informações da TV Record Itapoan — essa versão ainda não foi confirmada pelas autoridades.

A maioria das vítimas foi ferida com armas brancas e encaminhada para o Hospital Geral do Estado (HGE). Uma delas deu entrada na unidade de saúde com um ferimento no rosto provocado por um projétil de arma de fogo.

“A ocorrência começou às 15h45, quando policiais penais ouviram disparos de arma de fogo, no Módulo II da Lemos Brito. Guarnições do Batalhão de Guardas (BG) da Polícia Militar foram até o local e impediram a fuga de detentos pela porta principal daquela unidade. Na sequência, com reforços de equipes do Bope, Batalhão de Choque, Graer, Apolo, Gêmeos e Rondesp Central, os militares entraram na unidade prisional, restabelecendo o controle. Armas brancas e de fogo foram apreendidas”, diz trecho da nota emitida pela SSP-BA, na manhã desta segunda (21).

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA