Solidariedade da Sorte

Fonte: Pedro Souza/Atlético

Sobrou emoção na final da Supercopa do Brasil. Flamengo e Atlético-MG fizeram um jogo para ser lembrado eternamente na história do futebol brasileiro.

O Galo foi campeão após 24 cobranças de pênaltis e empate por 2 a 2 no tempo normal. O pênalti do título foi defendido por Everson.

Em relação aos 90 minutos de bola rolando, o meio-campista argentino Nacho Fernández abriu o placar aos 41 minutos do primeiro tempo.

No lance, ele aproveitou rebote concedido pelo goleiro Hugo após finalização de Guilherme Arana.

O gol de empate foi marcado por Gabigol. Ele empatou aos dez da etapa final. No lance, Arrascaeta cruza na área, Bruno Henrique cabeceia, mas Éverson defende.

Livre na pequena área, o atacante rubro-negro deu um toque de leve na bola com a perna direita. A bola, suavemente, balançou as redes do time alvinegro.

Gabigol foi pra galera e comemorou o gol esbanjando uma plaquinha que o homenageavam. A comemoração lhe rendeu um cartão amarelo aplicado pelo árbitro Anderson Daronco.

O segundo gol do time carioca é de autoria de Bruno Henrique. Após passe de Lázaro, o atacante rubro-negro chutou a bola por cima de Éverson e virou a partida.

Fonte: Torcedores.com


Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

MOYA PI 37581

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA