Solidariedade da Sorte


(Reprodução/TV Globo)

O indígena Davi Seremramiwe Xavante, de 8 anos, foi a primeira criança a ser vacinada contra a covid-19 no Brasi. Ele foi imunizado por volta de meio dia dessa sexta (14), em um evento do governo de São Paulo que marcou a inauguração da vacinação de crianças de 5 a 11 anos.

A vacinação na cidade de São Paulo, contudo, só será iniciada de fato na segunda-feira (17). Os postos de outras cidades do estado só devem começar na mesma data.

Davi, que é da etnia xavante, mora em Piracicaba, no interior, mas foi para a capital fazer um tratamento médico. Ele foi imunizado no Hospital das Clínicas, e o governador João Doria (PSDB) acompanhou. O pai de Davi, o cacique xavante Jurandir Seremramiwe, estava presente de maneira virtual,

“Agradeço a compreensão, visibilidade e diálogo com a questão indígena no estado de SP. Que sejam tomadas as vacinas para os guaranis que moram no litoral", disse o cacique. "Nós temos que tomar a vacina e não esquecer o uso da máscara, o distanciamento. Com certeza a nova geração estará segura quando as aulas voltarem. Elas estarão com saúde e brincando", acrescentou.

As doses das vacinas que vêm para a Bahia atrasaram nessa sexta-feira (14). A previsão é de chegada às 14h40 e o estado vai distribuir para que os municípios façam a aplicação.

Fonte: Correio

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

TEMPO PI - 32135

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA