Solidariedade da Sorte


A crueldade sem limites de alguns seres humanos não poupa nem os inocentes animais. Mesmo com ampla divulgação na imprensa explicando que maus-tratos é crime e campanhas sobre os cuidados com os animais, os casos continuam sendo comuns.

Com a legenda "obrigado por existir em nossas vidas, Maylinho", o empresário e consultor de seguros Henrique Cunha se despediu pelas redes sociais do seu amiguinho, adotado há quatro meses, e expos sua indignação com o ato cruel ocorrido. Maylon, o cachorro da família, tinha sete meses de vida e foi envenenado na última quarta-feira por um desconhecido na Rua Robério Dias, no bairro do Leader, em Jacobina.

Mesmo com todos os esforços do veterinário, o animal acabou não resistindo. Henrique suspeita de quem tenha envenenado o cão, mas como não há nenhuma evidência, disse que "jamais iremos acusar sem provas. Ele (autor do crime) vai pagar pelo que fez! Está nas mãos de Deus".

Confira o relato:
"Não sei quanta maldade há no coração do ser humano, a cada dia vamos nos surpreendendo com tamanha crueldade. Quem me conhece sabe, eu e minha esposa, @adrianaferreiras , adotamos um cachorro doado por um cliente dela.

E no dia de ontem um monstro acabou envenenando nosso pequeno. Levamos ao veterinário que não poupou esforços pra salvar ele. Mas, infelizmente nessa madrugada ele veio a falecer. Onde vamos parar? Pra que fazer isso ? Qual motivo? Esses são os questionamentos que faço! Se você não gosta de cão, gato ou qualquer outro animal, eu te respeito! Mas nada lhe dá o direito de fazer o mal.

Não posso e nem vou acusar ninguém sem provas, mas Deus viu tudo e vai tomar providências! Tenham bastante cuidado com o seu Pet, não sabemos do coração dos outros #naomaltrateanimais"

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

POLICLINICA SERRINHA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA