Solidariedade da Sorte


    Foto: Divulgação / Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (21) o texto-base da medida provisória que viabiliza a privatização da Eletrobras, maior empresa de energia elétrica da América Latina. Foram 258 votos favoráveis e 136 contrários à proposta. O texto agora segue para sanção presidencial.

A medida já havia sido aprovada pela Câmara, mas sofreu alterações no Senado e precisou ser votada novamente pelos deputados.

Dos 32 deputados baianos que votaram na sessão, 20 foram favoráveis à medida, sete se posicionaram de forma contrária e cinco votaram pela obstrução, uma outra forma de ficar contra a proposta. 

Veja como votou cada deputado:

Abílio Santana (PL) - sim
Adolfo Viana (PSDB) - sim
Alex Santana (PDT) - sim
Alice Portugal (PCdoB) - não
Antonio Brito (PSD) - sim
Arthur Maia (DEM) - sim
Bacelar (Podemos) - não
Cacá Leão (PP) - sim
Charles Fernandes (PSD) - não
Claudio Cajado (PP) - sim
Daniel Almeida (PCdoB) - não
Elmar Nascimento (DEM) - sim
Félix Mendonça Júnior (PDT) - obstrução
Igor Kannário (DEM) - sim
Jorge Solla (PT) - não
José Nunes (PSD) - sim
João Carlos Bacelar (PL) sim
Lídice da Mata (PSB) - obstrução
Marcelo Nilo (PSB) - obstrução
Márcio Marinho (Republicanos) - sim
Mário Negromonte Jr. (PP) - não
Otto Alencar Filho (PSD) - não
Paulo Azi (DEM) - sim
Paulo Magalhães (PSD) - sim
Professora Dayane Pimentel (PSL) - sim
Raimundo Costa (PL) - sim
Ronaldo Carletto (PP) - sim
Tia Eron (Republicanos) - sim
Tito (Avante) - sim
Uldurico Junior (Pros) - sim
Valmir Assunção (PT) - obstrução
Waldenor Pereira (PT) - obstrução

Fonte: Bahia Notícias

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA