Solidariedade da Sorte


      
A polícia trabalha para identificar outras pessoas supostamente envolvidas nos crimes bárbaros cometidos por Lázaro Barbosa Sousa, 32 anos, segundo informou o secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás, Rodney Miranda. Lázaro é investigado em, ao menos, oito inquéritos policiais envolvendo latrocínios (roubo seguido de morte) e homicídios.

O secretário frisou que trata-se de uma quadrilha e não descarta a hipótese do envolvimento do fazendeiro Elmi Caetano, 74, preso na quinta-feira (24/6), por suspeita de auxiliar Lázaro na fuga. "Ele é um psicopata, mas não cometia crimes só por causa da psicopatia. Agia para acobertar ou beneficiar alguém. Sabemos que em alguns desses crimes, ele não agiu sozinho", destacou o secretário.

O chefe da pasta enfatizou, ainda, que diversos materiais contundentes foram colhidos ao longo da investigação, de forma a auxiliar a identificação de comparsas e a participação de Lázaro em outros delitos. "Temos materiais genéticos que precisam ser comparados. Agora, será um trabalho silencioso e técnico."

Operação

Na noite desse domingo (27/6), as forças de segurança receberam uma denúncia informando que o suspeito estaria na região rural de Itamaracá, em Águas Lindas de Goiás, a cerca de 1km de distância da casa da ex-mulher e da ex-sogra.

Na madrugada dessa segunda-feira (28/6), durante as buscas, os policiais avistaram Lázaro na região de mata. Em tom ameaçador, o suspeito teria dito: "Quem encostar a cara aqui, eu vou meter tiro." Por volta das 9h50, em novas buscas, outra equipe se deparou com o homem. "Ele estava com duas armas, uma pistola e um revólver, uma arma em cada mão, e descarregou as munições contra as equipes", detalhou o secretário.

Os tiros não atingiram os policiais. Lázaro acabou baleado por policiais militares que sobrevoaram no helicóptero, segundo relatou uma fonte que participou da operação. De acordo com Rodney Miranda, o suspeito levou mais de 30 tiros. Ele chegou a ser levado ao Hospital Bom Jesus, em Águas Lindas, mas chegou à unidade de saúde sem vida.

O corpo de Lázaro foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Goiânia e reconhecido posteriormente pela mulher dele.

Por Darcianne Diogo / Correio Braziliense

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA