Solidariedade da Sorte


                                                 Foto: reprodução/YouTube

Um vereador invadiu um estúdio de rádio durante uma entrevista ao vivo e agrediu um advogado que falava sobre os direitos de servidores públicos. A agressão ocorreu nesta segunda-feira (17), na cidade de Catunda, no interior do Ceará, depois que Ronaldo Feijão afirmou que o vereador Thiago do Ivan (PDT) havia dado um voto desfavorável aos servidores em sessão na Câmara Municipal.

Logo após invadir o estúdio, o edil agrediu o advogado, quebrou a cadeira onde ele estava sentado e avisou que tinha ido ao local para “dar o recado”. Feijão é advogado do sindicato dos servidores de Catunda e participava do programa ‘A Voz do Servidor’.

“Quando você falar de mim, fale como um homem. Certo? Você preste atenção. Você vim aqui e falar essa m**** que você está falando aqui, você tem que falar a verdade. Que eu votei naquele projeto eu votei […] você é um m****, você é um b****. Preste bem atenção. Eu vim aqui só dar o meu recado”, disse o vereador. Ele ainda não se pronunciou sobre o caso.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as imagens da agressão já haviam sido enviadas à Delegacia Municipal de Santa Quitéria, contudo, o caso ainda não foi registrado em boletim de ocorrência. “A Polícia Civil aguarda alguma representação por parte da vítima”, afirmou.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Sobral, Rafael Ponte, repudiou a agressão. “É totalmente reprovável a atitude do vereador que se adentra na rádio e agride o advogado por conta das críticas relacionadas a um projeto de lei que foi votado pelo vereador. Então, a OAB repudia qualquer tipo de agressão a colegas advogados, principalmente no exercício da profissão”, lamentou.

 
Fonte: Bahia. Ba

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO COVID

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA