Solidariedade da Sorte


             Foto: Divulgação

Nesta quarta-feira (26) é comemorado pela primeira vez o Dia Nacional do Sanfoneiro. A Lei nº 14.140 foi sancionada pelo Presidente da República Jair Bolsonaro e publicada pelo Diário Oficial da União no dia 20 de abril de 2021.

A data celebra o nascimento de um dos maiores ícones da sanfona no Brasil, o paraibano da cidade de Itabaiana, Severino Dias de Oliveira, o popular Sivuca que completaria esse ano 91 anos de vida, tendo contribuído fortemente para a divulgação da cultura nordestina no Brasil e no mundo.

Fazendo jus a essa celebração, o poeta baiano Setúval juntamente com o sanfoneiro e compositor feirense Janderson do Acordeon prestam uma homenagem ao grande maestro da sanfona e a todos os sanfoneiros do Brasil através da produção e de suas participações no vídeo-poema musical intitulado Bendito Sanfoneiro referente ao poema autoral de Setúval e tendo o acompanhamento da melódica composição musical Xoteando de Mansinho, do maestro feirense.

A produção realizada faz parte do projeto Série Literária Voz em Versos que consiste da exibição de filmes com produções autorais do poeta trazendo a sua arte literária para os seguidores e apreciadores da poesia, e, ainda agregando a música como parte integrante da produção audiovisual visando o fortalecimento da arte e da cultura brasileira.
A ideia partiu de um diálogo entre os dois artistas que prontamente se uniram através das suas obras artísticas, buscando celebrarem a data merecida com os profissionais da sanfona e provocarem a sensibilização das pessoas em valorizarem os artistas sanfoneiros que produzem os diversos ritmos nas composições de letras que engrandecem o cenário musical nordestino e nacional brasileiro.

Na composição poética, Setúval traz inicialmente uma alusão a Luiz Gonzaga, outro grande sanfoneiro que representa o forró e a sanfona nordestina tendo nessa perspectiva estabelecer uma extensão de versos simples e melódicos que generaliza a persona do sanfoneiro brasileiro em sua totalidade de aspectos marcantes.
“A celebração aos sanfoneiros foi uma forma de usar da minha arte poética como um artefato cultural que toque nas pessoas no sentido de sensibilizarem-se quanto ao valor pessoal e profissional desses artistas que muito contribuem com o cenário das festas populares no Nordeste e em outras regiões do Brasil, bem como na música nacional brasileira”. declarou Setúval.

Janderson do Acordeon declarou que ajudar a produzir um clipe em homenagem ao Dia Nacional dos Sanfoneiros foi uma alegria em dose dupla.

“A poesia de Setúval bateu forte a cada palavra dita e a também por ter uma música minha, Xoteando de Mansinho, num dia tão especial. Viva os sanfoneiros! Eu pensei numa música que remetesse ao paisagismo da natureza do sertão, necessariamente um ritmo tranquilo e suave como as coisas contemplativas do sertão.”

O vídeo-poema musical contou com o apoio financeiro da empresa Taboada – Produtos Médicos Eireli e teve a produção, filmagem, fotografia e direção geral do publicitário Vinícius Rios, da Produtora Ticuna Filmes

“Acho muito pertinente a produção desse vídeo-poema sobre os sanfoneiros. Acho muito importante a valorização da nossa cultura nordestina e autenticamente brasileira”, declarou.

Fonte: Acorda Cidade

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO TEMPO

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA