Solidariedade da Sorte

      Salvador integra consórcio nacional de vacinas e poderá fazer aquisição direta de imunizantes contra Covid-19 — Foto: Valter Pontes/Prefeitura de Salvador

A cidade de Salvador integrou o Consórcio Nacional de Vacinas das Cidades Brasileiras (Conectar), pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), e poderá fazer aquisição direta de imunizantes contra Covid-19. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (22) pela prefeitura municipal.

De acordo com a prefeitura, a capital baiana é um dos 1.731 municípios que conseguiram ingressar oficialmente até o momento na estratégia, que foi instituída em Assembleia Geral Virtual, transmitida através do YouTube.

Durante a assembleia, o prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), ressaltou que o investimento mais importante que as cidades podem fazer é na aquisição das doses, para salvar vidas e evitar mortes.

O evento foi apresentado pelo presidente da FNP, Jonas Donizette, e reuniu ainda o governador do Piauí, Wellington Dias; o ministro do STF, Gilmar Mendes; o ex-presidente do STF, Ayres Britto; e a representante da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (Opas/OMS) no Brasil, Socorro Gross Galiano, entre outras autoridades.

No início do mês, em 9 de março, a Câmara de Vereadores aprovou, por unanimidade, o projeto que autorizava a capital baiana a integrar o consórcio de municípios para aquisição direta de vacinas contra a Covid-19. O Projeto de Lei havia sido encaminhado pelo prefeito de Salvador no dia anterior, em 8 de março, e foi sancionado por Bruno Reis logo após aprovação na Câmara.

Em dezembro de 2020, o Secretário de Saúde de Salvador, Léo Prates, que segue como titular da pasta, já havia cogitado a criação desse consórcio entre municípios para a compra de doses das vacinas contra a Covid-19.

Fonte: G1 Bahia

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOV EDUCA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA