Solidariedade da Sorte

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

O acidente que ceifou a vida de Maria Gorete Pereira de Oliveira Melo, 38 anos, poderia ter sido evitado? É a pergunta que muitas pessoas fazem após a imprudência que culminou em tragédia na noite desta sexta-feira (26), no centro de Jacobina.

O motoqueiro suspeito de causar o acidente, identificado como João Vitor Cesário dos Santos, 19 anos, teria avançado o sinal vermelho e atingido a moto em que Gorete estava com o marido, Márcio Itamar Rodrigues Melo, 36 anos. Gorete havia deixado o plantão no Hospital Municipal de Jacobina e seguia para casa com o marido. Ela não resistiu e morreu no local, enquanto que o marido dela foi levado ao pronto-socorro e, em seguida, transferido para o HGE, em Salvador.

Entre todos os envolvidos, o jovem João Vitor foi o que saiu praticamente ileso. Enquanto o corpo de Gorete era coberto com um lençol no asfalto da avenida, o marido dela e outro ferido, identificado como Roberto Rodrigues da Silva, eram socorridos para atendimento hospitalar, João Vitor era amparado por seus familiares no passeio da avenida, levando as mãos à cabeça ao ver a proporção da tragédia que havia causado.

João Vitor foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi atendido. Entretanto, assim que foi liberado, ele recebeu voz de prisão e foi conduzido para delegacia de Polícia Civil. Ele não possui a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e estaria com sinais de embriaguez, conforme disseram testemunhas no local.

A imprudência que ceifou a vida de uma mulher casada, mãe de dois filhos e que só queria chegar em casa após um dia de trabalho, gerou muita comoção e revolta em Jacobina. Centenas de pessoas se manifestaram nas redes sociais exigindo atitudes enérgicas das autoridades competentes em relação aos motoqueiros imprudentes que promovem badernas na cidade e levam risco às pessoas de bem. Confira abaixo alguns comentários de leitores em redes sociais do Jacobina Notícias:

"Infelizmente se vai uma mãe de família, cheia de sonhos. Que Deus receba de braços aberto e possa confortar toda família! Tá um absurdo o número de acidentes no trânsito que vem acontecendo nos últimos meses. Precisa ser tomado medidas urgentes e ações de conscientização principalmente para os motoqueiros. Inclusive motoqueiros que trabalham com delivery, já vi várias imprudências. As empresas deveriam oferecer cursos, orientar, responsabilizar antes da contratação."

"Isso já era uma tragédia anunciada, falta mais fiscalização dos órgãos responsáveis. Já se passou da hora do SMTT junto a polícia militar intensificar mais as abordagens e criar mecanismos de inibir essa irresponsabilidade. Uma ideia seria responsabilizar os donos de moto táxi pizzaria e deliverys em geral. Pós eles aceitam todo tipo de motoqueiros, na maioria sem CNH alguns com motos sem documento e etc. O correto é exigir CNH, verificar a situação da motocicleta, antecedentes criminais, e proibir esse tipo de algazarras com motos com escapamentos modificados. Jacobina está um caos, se ninguém tomar uma atitude mais rígida logo teremos mais vítimas."

"Vidas sendo tiradas por mulekes imprudentes, que não fazem nada, só andam correndo e estalam moto e tiram o sossego dos moradores, e acaba tirando vida de gente que tem um futuro garantido pela frente, triste e revoltante."

"Jacobina está um absurdo com esses irresponsáveis. Morre uma inocente, deixa seus dois filhos pequenos por conta de um irresponsável. É lamentável. Que uma providência seja tomada, porque infelizmente ela não é a primeira nem será a última inocente a morrer por irresponsabilidade de um imbecil."

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO EMBASA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA