Solidariedade da Sorte

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

      (Foto: Leitor VN)

Um sargento da Marinha foi assassinado na manhã desta terça-feira (19) durante um tiroteio no bairro de São Marcos, em Salvador. O crime aconteceu na localidade conhecida como Coroado, por volta das 5h30. Ele estava acompanhado por um policial militar. 

A vítima foi identificada como Jeferson Jorge Santos da Silva, tem 29 anos e é militar da Marinha. O homem que estava com ele é soldado da Polícia Militar lotado no Batalhão de Guarda.

O Varela Notícias teve acesso a áudios compartilhados no WhatsApp nos quais o policial, desesperado e chorando, pede socorro e diz que já estava sem munição. “Pelo amor de Deus, véi, alguém aqui, eu estou sem munição já. Eu peguei a arma do colo do parceiro aqui, mas já zerei. Pelo amor de Deus, alguém aqui. Rápido, véi! Eu tô sem munição já. (…) Meu parceiro está morto. Oh, meu Deus do céu”. 

Em outro áudio enviado pelo aplicativo de conversa ele diz: “Irmãos, alfa 11 aqui no Coroado. Pelo amor de Deus, me socorre aqui. Atiraram no cara, véi. Pelo amor de Deus, eles mataram o cara, véi. Eu estou sem munição”. “Tem um baleado, chega rápido aqui. Eu estou pedindo pelo amor de Deus, irmão”, implorou o policial. 

De acordo com informações da PM, quando chegaram ao local, as guarnições isolaram a área e entraram em contato com o PM. “O agente contou que quando eles passavam pela região em um veículo, foram recebidos a tiros e o militar, que pertencia à Marinha do Brasil, foi atingido não resistindo aos ferimentos. Foi identificado um homem que também ficou ferido”.

Ainda segundo a PM, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado pela equipe policial para prestar socorro ao indivíduo. O policial militar não ficou ferido na ocorrência.

Na ação, foram apreendidas uma pistola Taurus, calibre 380 e uma pistola Glock.40. A ocorrência foi registrada na Corregedoria Geral e no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) juntamente com as armas e o policial militar.

Polícia procura terceiro envolvido no crime

O delegado Guilherme Machado, coordenador da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), anunciou, nesta terça-feira, a prisão de dois envolvidos na troca de tiros que vitimou o sargento da Marinha.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), equipes da 2ª DH/Central estão em campo, realizando diligências para identificar o paradeiro do criminoso. 

Conforme a pasta, os dois comparsas que já foram presos estão custodiados em um hospital, para onde foram socorridos após também ficarem feridos no confronto. Bastante abalado, o policial militar, que estava em companhia do sargento, foi ouvido no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na manhã desta terça-feira. 

O soldado informou que ambos estavam num bar no Jardim Nova Esperança e na saída foram abordados por três mulheres que pediram carona. Depois de deixar as mulheres na localidade do Coroado, eles foram interceptados por traficantes e reagiram. Jeferson chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

Fonte: Varela Notícias

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO INFRA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA