Solidariedade da Sorte

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Morreu na noite desta quarta-feira, aos 95 anos a professora e escritora Doracy Araújo Lemos, autora do Hino à Jacobina. Nascida em 23 de maio de 1925, ela estava em casa quando faleceu. Seu corpo será velado na Sala de Velório e seu sepultamento está marcado para às 16h desta quinta, no Cemitério Jardim da Saudade.

A também poetisa e pesquisadora Doracy Lemos é uma ilustre parte da história de Jacobina. Membro fundadora da Academia Jacobinense de Letras (AJL), a professora ocupava a cadeira de número 04. Escritora com diversas obras publicadas, escreveu os seguintes livros: Cartilhas (1994), Jacobina, Sua História sua Gente (1995), O Missionário do Sertão (2000), Viajem Comigo (2001), o livro de poesias “Eu” (2015), participação na Antologia Letras Douradas (1, 2, 3 e 4) e nas edições do Jornal "A Letra" o qual traz uma edição especial neste mês de dezembro em sua homenagem. 

Em sua vida como discente, Doracy lecionou em alguns educandários de Jacobina, a exemplo do colégio Luiz Anselmo da Fonseca, espaço onde atualmente funciona o Arquivo Público. Esposo de Manoel de Souza Lemos, mãe de cinco filhos, a escritora deixa seu legado para Jacobina, entre eles, o hino que é entoado em todas as escolas do município, e que poderá ser visto abaixo:

Hino à Jacobina (Letra de Doracy Lemos / Musicada por Amado Honorato de Oliveira [in memoriam])

Rodeada de serras majestosas / Dos Payayás herdamos Jacobina / A mais linda terra entre as formosas / Na encosta da Chapada Diamantina

Tua história de fatos trepidantes / De civismo, grandeza e tradição / Glória aos bravos bandeirantes / Que te fizeram "Rainha do Sertão" 

Aos missionários dedicados / Nosso preito de eterna gratidão / Pelos seus feitos denodados / A prova é a igreja da missão

Rodeada de serras majestosas / Dos Payayás herdamos Jacobina / A mais linda terra entre as formosas / Na encosta da Chapada Diamantina

Tuas serras, teus rios unidos / Encerram em profusão toda riqueza / Teus bravos filhos destemidos / Em luta pela tua grandeza

Nós nos ufanamos com ardor / Por Jacobina nobre e senhoril / Que a todos recebe com amor / Pedaço da Bahia e do Brasil

Rodeada de serras majestosas / Dos Payayás herdamos Jacobina / A mais linda terra entre as formosas / Na encosta da Chapada Diamantina

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO EMBASA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA