SOLIDARIEDADE DA SORTE

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA


A comunidade LGBTQ nos EUA se apoderou da hashtag #ProudBoys, usada frequentemente por um grupo de extrema direita no país. A inciativa foi tomada na semana passada após Donald Trump dar uma "passada de pano" durante debate eleitoral em ataques do grupo supremacista branco de extrema direita. 

Durante o evento, Trump pediu para eles "recuarem", mas reforçando que atos violentos surgem da esquerda.
A resposta veio no Twitter, quando o ator George Takei tuitou: "E se gays tirassem fotos de si mesmos se beijando ou fazendo coisas muito gays e depois se etiquetassem com #ProudBoys". A partir daí casais gays começaram a compartilhar seus fotos. Entre as postagens que mais repercutiram está a da Forças Armadas Canadenses nos EUA.

O líder dos Proud Boys disse à CNN que não considerou a campanha "ofensiva", porque a organização não é homofóbica. "Não é um insulto. Não somos homofóbicos. Não nos importamos com quem as pessoas dormem. As pessoas pensam que vão nos incomodar. Não é assim", disse ele, para então criticar que o movimento está "tentando afogar nossos apoiadores, tentando nos silenciar".

Fonte: BNews

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO DO ESTADO

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA