SOLIDARIEDADE DA SORTE

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA


O governador da Bahia, Rui Costa, anunciou que o decreto estadual que proíbe a realização de eventos com mais de 50 pessoas e aulas em escolas das redes pública e privada em todo o estado, válido até esta sexta-feira (31), será prorrogado por mais 15 dias. O anúncio foi feito na noite desta quinta-feira (30), durante o programa #PapoCorreria, transmitido nas redes sociais do governador.

As aulas nas escolas baianas estão suspensas desde março. No dia 11 de julho, o governador Rui Costa prorrogou a medida até o final do mês. Na manhã desta quinta-feira, o prefeito de Salvador, ACM Neto, também anunciou prorrogação do decreto que suspende as aulas e mantém interdição das praias na capital baiana.

"Precisamos prorrogar por mais 15 dias o decreto que proíbe atividades letivas e também a promoção de eventos que reúnam mais de 50 pessoas. Como vem ocorrendo desde o início do pandemia, voltaremos a avaliar a situação quando o prazo de vencimento do decreto estiver acabando”, disse.

O decreto proíbe todas as atividades que envolvem aglomeração de pessoas, como eventos desportivos, religiosos, shows, feiras, apresentações circenses, eventos científicos, passeatas, aulas em academias de dança e ginástica, bem como abertura e funcionamento de zoológicos, museus, teatros, dentre outros.

Além da prorrogação do decreto, Rui Costa anunciou que a partir da próxima semana, o governo do estado vai testar estudantes, servidores e professores da rede pública dos municípios de Jequié, Itabuna e Ilhéus. O objetivo é saber o nível do contágio na região.

"Todos os alunos, professores e diretores serão chamados para a sua escola para fazer os testes contra a Covid-19. Então fiquem atentos alunos de Jequié, vocês serão chamados na semana que vem. Eu já falei com o secretário Gerônimo para mobilizar, a partir de amanhã, Itabuna e Ilhéus. Nós faremos na semana que vem, Jequié, Itabuna e Ilhéus”, disse o governador.

Em junho, o governo testou alunos das cidades de Itajuípe, Ipiaú e Uruçuca. Para evitar aglomerações, os estudantes serão organizados por ordem alfabética e notificados pela escola para se apresentarem por turnos. Também serão seguidos os protocolos de segurança, como uso de Equipamento de Proteção Individual (EPI) para os aplicadores dos testes, além de máscara e álcool em gel para a utilização dos estudantes, professores e funcionários.

Segundo Rui Costa, a ideia é conhecer a realidade da comunidade escolar dos três municípios. A medida pode ser estendida para outras cidades em uma etapa posterior, desde que haja disponibilidade de testes.

"Como estamos fazendo um planejamento de retomada das aulas, nós queremos saber o padrão, o perfil do que aconteceu com os alunos, professores e funcionários durante esse período. Queremos identificar quantos por cento já tiveram e saber quantos estão com Covid-19 para fazer o planejamento [de volta às aulas]. Já tínhamos feitos em três cidades menores e agora vamos fazer em Jequié, Itabuna e Ilhéus, que são cidades maiores”.

Flexibilização da suspensão dos transportes intermunicipais

Durante o Papo Correria, Rui Costa também afirmou que vai avaliar a flexibilização dos transportes intermunicipais. A curva de casos e mortes por Covid-19 no estado e a reabertura do comércio nos municípios serão estudadas.

"Nós precisamos de pelo menos duas semanas para avaliar o impacto disso, para avaliar se haverá mudança na tendência da curva. Se não houver uma mudança, nós vamos começar a flexibilizar a suspensão dos transportes metropolitanos e intermunicipais"

"Vamos progressivamente, mas não iremos fazer isso. Primeiro, vamos avaliar o impacto das aberturas do comércio que foram feitas nas cidades. Vamos avaliar nos próximos 15 dias, o transporte pode voltar, progressivamente, antes disso, mas primeiro vamos avaliar", concluiu.

Concurso da Polícia Civil

O governador também anunciou a convocação de aprovados no concurso para a Polícia Civil da Bahia. A Secretaria da Administração (Saeb) vai publicar na próxima terça-feira (4), no Diário Oficial do Estado (DOE), a lista de convocados para nomeação. Serão chamados 163 investigadores, nove escrivães e 10 delegados, totalizando 182 profissionais.

"Infelizmente, a arrecadação do Estado despencou esse ano. Estamos tendo que reorganizar todas as finanças. Não está sendo fácil. Mas, em função das aposentadorias recentes, vamos repor esse quantitativo. Assim, vamos chamar 182 aprovados para a Polícia Civil", afirmou Rui.

Com mais de 48 mil candidatos inscritos, o concurso para a Polícia Civil foi lançado em 2018 e teve sete etapas eliminatórias. Dentre os inscritos, 35.036 mil foram para o cargo de investigador, 2.436 pretendentes ao cargo de escrivão e 10.678 postulantes a delegado.

Os candidatos passaram por provas objetivas e discursiva, exames biomédicos, teste de aptidão física, exame psicotécnico, prova de títulos e investigação social. O concurso foi organizado pela Fundação para o Vestibular da Universidade Júlio de Mesquita Filho (Fundação Vunep), contratada pela Saeb.

Fonte; G1 Bahia

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA