SOLIDARIEDADE DA SORTE

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA


Um abaixo-assinado criado por moradores de Campo Formoso pede à direção do PSD na Bahia a expulsão do vereador José Carvalho Pereira, o “Zé Lambão”, acusado de espancar a própria filha, a estudante universitária Rafaella de Carvalho Pereira,18.

O texto que acompanha a coleta de assinaturas é dirigido ao presidente estadual da sigla, o senador Otto Alencar. O parlamentar, por sua vez, já afirmou que o Conselho de Ética do partido só tomará qualquer decisão a respeito quando tiver acesso ao processo sobre o caso.

“É de suma importância que a população cobre o posicionamento do Senhor Senador Otto Roberto Mendonça de Alencar, líder do PSD no senado, e que tome também providências a cerca do assunto. É inadmissível aceitar que seu partido, que prega o repúdio total a qualquer tipo de violência, principalmente contra às mulheres, ter se filiado a um homem cujo qual é acusado de agredir a própria filha e responde por homicídio duplamente qualificado!”, menciona um trecho do abaixo-assinado, que, até a publicação deste texto, tinha mais de 6.800 signatários dos 7.500 pretendidos.

Ainda segundo o pedido de providências, é “intolerável que o senhor senador, como representante Líder do partido, bem como os demais representantes, continuem omissos às denúncias gravíssimas de violência direcionada às mulheres envolvidas.

“Queremos posicionamento e providências efetivas do partido para com o caso e exigimos a expulsão do atual vereador.”

Rafaella de Carvalho Pereira usou as redes sociais para denunciar o pai no último 12, mesmo dia em que as agressões teriam ocorrido, durante uma reunião na chácara da família.

Presidente da Câmara de Vereadores de Campo Formoso, Pereira está preso preventivamente desde quinta-feira (16), quando foi autuado por porte ilegal de arma de fogo.

Segundo o delegado Filipe Néri, responsável por abrir o inquérito que investiga o caso, dois exames de corpo de delito realizados por Rafaella apontaram sinais de violência física.

O parlamentar respondia em liberdade acusação por crime de homicídio em 2016.

MP pede prisão preventiva

Na sexta (17), o MP-BA (Ministério Público da Bahia) requereu à Justiça que prisão em flagrante de José Carvalho Pereira seja convertida em prisão preventiva (sem prazo determinado). Ainda não há decisão sobre o pedido.

Em seu parecer, o promotor Rildo Mendes de Carvalho cita que “os crimes praticados pelo investigado —lesão corporal e porte ilegal de arma— são “conexos”, o que justifica o pedido de prisão preventiva.

“Os pressupostos da prova de existência do crime e de indícios suficientes da autoria do investigado é incontestável, haja vista os crimes que lhe são atribuídos, ou seja, violência doméstica e familiar contra a mulher e porte ilegal de arma de fogo” afirma o promotor.

Fonte: Bahia.Ba

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO DA BAHIA

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA