SOLIDARIEDADE DA SORTE

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA


Moradores do bairro de São Cristóvão tiveram as casas invadidas pela água desde a madrugada desta quarta-feira (13), por causa das fortes chuvas que caem em Salvador. Com o volume da água, a barragem do rio Ipitanga transbordou e contribuiu com a inundação.

A situação aconteceu na região do Parque São Cristóvão, que fica na parte mais baixa do bairro. Várias ruas ficaram alagadas, entre elas as ruas Norte 1 e 2, onde foram registradas grande parte do prejuízo.

Por lá, o nível da água subiu tanto, que houve dificuldade de acesso de carro e alguns veículos chegaram a boiar. No local, moradores relataram que a inundação é recorrente, sempre que há alagamentos.

Um deles contou que, em cerca de duas semanas, é a segunda chuva muito forte que faz as pessoas perderem móveis, documentos e roupas. A água só começou a dar vazão e diminuir o nível por volta das 11h30.

"Está tudo muito alagado, eu passei na rua com a água na cintura. A água entrou em minha casa ainda de madrugada, umas 4h foi quando começou a encher. A gente já acordou com a água dentro de casa. Sempre que chove é isso, acontece direto. A água enche tudo e as pessoas não têm para onde ir. Vamos para onde? Temos que ficar e esperar a água baixar", disse um dos moradores, identificado apenas como José.

Por meio de nota, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A (Embasa) informou que as barragens de Ipitanga não têm a função de conter o fluxo do rio durante as cheias, mas que elas ajudam a não ter um alagamento de extensão maior na bacia do rio.

A Embasa explicou que as barragens são equipamentos projetados para acumular um grande volume de água do rio, para servir ao abastecimento de parte de Salvador. A água captada nessas barragens é tratada nas estações da Bolandeira junto com a água captada nas barragens do rio Joanes.


Ainda em nota, a empresa informou que durante as cheias do rio, a água, quando ultrapassa a capacidade de acumulação das barragens, segue seu fluxo normal e se encontra com o rio Joanes, na região do condomínio Encontro das Águas, que fica na cidade de Lauro de Freitas, limítrofe a Salvador.

Fonte: G1 Bahia 

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem

GOVERNO DO ESTADO

Alicell Atacadista

AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA