AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

A Polícia Militar localizou duas covas com ossadas humanas na localidade da BA 526, conhecida como Cia Aeroporto, no bairro de São Cristóvão, em Salvador, na tarde do último domingo (01). Os restos mortais estão no IML, porém, a identidade é desconhecida. 

No entanto, a família de Edilson Cardona Martinez, de 27 anos afirma que as ossadas são dele e de Kimberly, 23 anos, namorada de Edilson, que estão desaparecidos desde o último dia 14, quando homens encapuzados entraram na residência do casal, os levaram, além de subtrair uma quantia de quase R$ 35 mil que estava guardada na casa. 

O primo e outros familiares receberam uma ligação anônima informando o local onde os corpos estavam enterrados, foram até lá e reconheceram as roupas de fotos que receberam quando já estavam sob posse de suspeitos. 

O casal estava a menos de 2 km de onde residiam, no bairro de Jardim das Margaridas. A quantia, de acordo com os parentes, seria de Edilson para abrir um negócio, eles desconfiam também que foi alguém conhecido, pois não havia sinais de arrombamento na porta da residência. 

Os familiares informaram também que há duas hipóteses, além do sequestro, a primeira é que o ex-namorado de Kimberly vinha ameaçando constantemente o relacionamento dos dois e possa ter se vingado. Um detalhe também chama a atenção: o ex-companheiro de Kimberly, “desapareceu” no mesmo dia do suposto sequestro. Outra suposição, é que um vizinho tenha se vingado de Edilson por ele não ter emprestado dinheiro que serviria para comprar bebidas. 

O IML confirmou a chega de restos mortais de duas pessoas encontradas ontem (01), mas afirmou que apenas através de exames e laudos vão confirmar se pertencem ao casal, embora a família reconheça as roupas do colombiano e namorada. 

Fonte: BNews
Postagem Anterior Próxima Postagem