MP notifica dono da Havan por uso da bandeira nacional em lojas - AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Destaque

MP notifica dono da Havan por uso da bandeira nacional em lojas

O empresário Luciano Hang, dono da Havan, foi notificado pelo Ministério Público por colocar a bandeira do Brasil em um cartão de compras que a empresa dá aos clientes da loja. A notificação ocorreu há cerca de um mês.

"Expliquei que a distribuição do cartão é gratuita e que fazemos isso como uma forma de patriotismo", declarou Hang, segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo. A publicação lembra que ele costuma se vestir com um terno verde e gravata amarela.

"Vou esperar para ser preso, mas não vou deixar de usar a bandeira", acrescentou o empresário, que tem recebido questionamentos nas redes sociais. Os críticos apontam que a lei sobre a representação dos símbolos nacionais proíbe o uso que a Havan tem feito, mas Hang insiste na medida e, de acordo com a coluna, já falou com integrantes do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) para que a lei seja alterada.

Hang foi um dos principais apoiadores da campanha do presidente no período eleitoral. Em novembro do último ano, inclusive, a loja chegou a ser processada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), acusada de coagir os funcionários a votarem em Bolsonaro.
Fonte: Bahia Notícias

Páginas