Bolsonaro questiona imprensa internacional e afirma que Amazônia não é ‘patrimônio da humanidade’ - AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Destaque

Bolsonaro questiona imprensa internacional e afirma que Amazônia não é ‘patrimônio da humanidade’

O presidente Jair Bolsonaro disparou contra a imprensa internacional durante o discurso de abertura na Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU), em Nova York, nos Estados Unidos, na manhã desta terça-feira (24). De acordo com o Chefe do Executivo, é uma “falácia” afirmar que a Amazônia é patrimônio da humanidade.

“O Brasil é um país mais ricos em biodiversidade e riquezas minerais. Nossa Amazônia é maior que toda Europa Ocidental e permanece praticamente intocada, prova de que somos um dos países que mais protege o meio ambiente”. E completou. “É uma falácia dizer que a Amazônia é patrimônio da humanidade e um equívoco, como afirma os cientistas, que a nossa floresta é o pulmão do mundo”, dispara Bolsonaro.

Durante o discurso, Bolsonaro argumentou que o crescimento no número de queimadas se deve ao clima seco e as ações das populações locais.

“Nesta época do ano, o clima seco e os ventos favorecem queimadas espontâneas e criminosas. Vale ressaltar que existem também queimadas praticadas por índios e populações locais, como parte de sua respectiva cultura e forma de sobrevivência. Problemas qualquer país os tem. Contudo, os ataques sensacionalistas que sofremos por grande parte da mídia internacional devido aos focos de incêndio na Amazônia despertaram nosso sentimento patriótico”, afirmou.

O comentário, no entanto, não foi bem recebido nas redes sociais. Uma internauta ironizou as palavras do presidente.

“Não sinto vergonha pela apresentação de Bolsonaro na ONU. É libertador exibi-lo sem retoques pela alma tirânica ao mundo”, disse. 

Outra preferiu ressaltar os ataques direcionados ao povo indígena e as ‘teorias da conspiração’ propagadas pelo político. 

“Em resumo, Bolsonaro foi pra ONU falar mal de indígena, defendeu ditadura, soltou teorias conspiratórias das vozes da cabeça dele e disse que a Amazônia tá intocada. Foi uma live normal do Facebook dele, só que com o mundo inteiro sentindo raiva e vergonha com a gente”, avaliou. 

Fonte: Varela Notícias

Páginas