Governo suspende por 12 meses exigência de aulas para tirar habilitação de ciclomotores - AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Destaque

Governo suspende por 12 meses exigência de aulas para tirar habilitação de ciclomotores

O Conselho Nacional de Transito (Contran), publicou recentemente uma resolução que trata de mudanças no processo para obter a Autorização para Conduzir Ciclomotor (ACC). O coordenador da 3ª Ciretran de Feira de Santana, Silvio Dias, explicou que a resolução apresenta mudança tanto para a condução de ciclomotores, como para condutores de veículos em geral.

De acordo com ele, a principal mudança diz respeito que a partir de setembro, os condutores, candidatos a condutores de habilitação de ciclomotores e cinquentinhas poderão obter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) sem passar pela autoescola. Ele informou ao Acorda Cidade que os interessados precisarão apenas fazer as provas da categoria, as provas teóricas e as provas práticas sem necessidade de terem aulas nas autoescolas.

“Isso é um ganho e eu chamo a atenção para aqueles que têm os seus veículos que aproveitem esse momento que serão apenas 12 meses, que é o que prevê a resolução que nesse prazo de 12 meses eles não terão o custo da autoescola, ele virão ao Detran solicitar a Autorização para Conduzir Ciclomotor (ACC), farão a prova teórica e depois a prova prática. Terão então a sua habilitação sem nenhum outro custo relacionado a autoescola”, afirmou ao Acorda Cidade.

De acordo com Silvio Dias, após esse prazo de suspensão de um ano, as aulas retornarão a normalidade, porém em uma quantidade menor, apenas cinco horas aula, no entanto o condutor terá que passar pela autoescola.

“Volto a chamar a atenção a quem tem o ciclomotor. Aproveitem esse momento e venham ter a sua habilitação, que é uma habilitação para conduzir ciclomotores, mas de uma forma mais fácil, mais rápida e sem tanta burocracia e sem tanto custo”, acrescentou.

Sobre os veículos de quatro rodas

Silvio Dias afirmou que as mudanças em relação aos veículos de quatro rodas envolvem, por exemplo, os condutores que tem a categoria A, a categoria B e querem adicionar mais uma outra categoria a habilitação. Nesses casos também haverá uma redução, haverá diminuição de 20 aulas para apenas 15 aulas.

“Se eu tenho a categoria B e quero adicionar a categoria para veículo de duas rodas, a categoria A, haverá essa redução para apenas 15 horas aula. Ainda há uma outra mudança também importante e que deve impactar nos valores desse processo de habilitação que é um processo relativamente caro. A mudança diz respeito ao simulador, deixa de ser obrigatório e passa então a ser opcional. O candidato que fará a opção de fazer ou não esse curso também haverá uma redução na quantidade de horas aula”, comentou.

Entrega de documentos

Silvio Dias informou ainda que a Ciretran está facilitando para os proprietários de veículos a entrega de documentos. Hoje o proprietário pode pagar o documento, se dirigir ao órgão de trânsito, fazer a retirada do documento sem necessitar esperar que ele chegue em sua casa.

“Há um prazo de 48 horas, ou seja, dois dias para que ele pagando, venha a Ciretran solicite o documento e não aguarde chegar em casa. Passada essas 48 horas o Detran vai emitir. Não poderá mais fazer a impressão aqui e só após 30 dias, caso não chegue na residência da pessoa, ela terá que aguardar chegar em sua casa. É sempre bom lembrar é que o Detran não emite mais o documento que chegava na residência informando os valores do licenciamento. Então o proprietário do veículo não deve ficar esperando chegar esse documento em sua casa. Basta ir ao banco, com o código Renovan aos bancos credenciados. Pode chegar, solicitar o valor do seu licenciamento e fazer o pagamento. Não deve ficar aguardando chegar o documento, informando os valores porque ele não chegará mais. Houve essa mudança e o Detran da Bahia não emite mais esse documento”, finalizou.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.

Páginas