Modelo que acusa Neymar diz à polícia que íntegra de vídeo estava em tablet furtado - AUGUSTO URGENTE- JACOBINA BAHIA

Destaque

Modelo que acusa Neymar diz à polícia que íntegra de vídeo estava em tablet furtado

A mulher que acusa o jogador Neymar de estupro afirmou à polícia nesta sexta-feira (7) que não poderia entregar às autoridades a íntegra do vídeo do segundo encontro entre ela e o jogador porque a mídia estaria em um tablet que teria sido furtado.

A modelo Najila Trindade Mendes de Souza afirmou que o aparelho estava dentro de seu apartamento que, segundo ela, foi arrombando na quinta (6).

Um trecho do vídeo veio a público na quarta-feira (5). Nele, a modelo aparece batendo em Neymar. Nos outros seis minutos, segundo a modelo contou, haveria elementos que comprovariam que o jogador a agrediu no dia anterior.

Segundo o portal G1, durante o depoimento os investigadores questionaram a mulher se as imagens não estariam guardadas no servidor de alguma empresa de tecnologia, mas ela não soube responder.

Com informações do G1

Páginas