Destaques

recent

Fundador da maior empresa de bitcoin do país morre em acidente de carro


Um acidente de trânsito, na tarde desta terça-feira (25), na Rodovia João Ribeiro de Barros (SP-294), em Marília (SP), matou Luís Augusto Schiavon, de 24 anos, fundador da maior corretora de bitcoin do Brasil, a Foxbit.

Além dele, uma jovem de 20 anos também morreu. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro em que o empresário estava rodou na pista, invadiu a contramão e se chocou contra outro veículo. Um caminhão que vinha atrás não conseguiu desviar e também se envolveu no acidente. Chovia no momento e, ainda conforme a PRF, a pista estava escorregadia.

Com o empresário seguia a namorada dele, Ariadny Rinolfi, que foi socorrida em estado grave. Mais duas pessoas estão internadas. No outro carro viajavam a estudante Beatriz Guide, de 20 anos, que não resistiu aos ferimentos, o namorado e o pai dele.

Nas redes sociais, a Foxbit lamentou a morte de Guto Schiavon, como era conhecido. "Comunicamos com profundo pesar o falecimento do fundador e diretor de Operações da Foxbit, Luís Augusto Schiavon, o Guto, aos 24 anos."

Sob seu comando, a empresa conquistou mais de 400 mil clientes, chegando a movimentar até R$ 20 milhões por dia, de acordo com informações do portal G1, ajudando a disseminar o conceito de investimento em criptomoedas entre os brasileiros.

O corpo do empresário foi sepultado no cemitério de Pompéia (SP), na tarde desta quarta-feira (26).

Com informações da Folhapress
Fundador da maior empresa de bitcoin do país morre em acidente de carro Fundador da maior empresa de bitcoin do país morre em acidente de carro Reviewed by Augusto Urgente on 27.12.18 Rating: 5

Nenhum comentário

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Augusto Urgente, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.