recent

Prefeito de Não-Me-Toque é investigado por denúncias de assédio sexual


O prefeito da cidade gaúcha de Não-Me-Toque, Armando Carlos Roos (PP), é investigado pela Polícia Civil por denúncias de assédio sexual feitas por duas servidoras do município. De acordo com informações do jornal Zero Hora, elas relataram que eram ameaçadas de sofrer um rebaixamento de cargo caso não aceitassem pedidos de cunho sexual. 

O primeiro caso teria ocorrido ainda em 2017, enquanto o segundo veio à tona apenas na última semana. As duas vítimas conseguiram mandados de proteção por meio da Lei Maria da Penha. Uma delas disse que vinha sendo ameaçada por um perfil não identificado no Facebook, citando inclusive o caso da vereadora Marielle Franco, morta a tiros no Rio de Janeiro no último mês.

Informações do jornal Zero Hora 
Prefeito de Não-Me-Toque é investigado por denúncias de assédio sexual Prefeito de Não-Me-Toque é investigado por denúncias de assédio sexual Reviewed by Augusto Urgente on 4.4.18 Rating: 5

Nenhum comentário

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Augusto Urgente, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.