Ads Top

Ads Top
recent

Polícia Civil faz diligências a pedido do MP, mas não tem conclusão prevista

Com análise finalizada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), o inquérito parcial do caso Davi Fiúza, que desapareceu aos 16 anos em outubro de 2014 durante uma operação policial, pode ser concluído “a qualquer momento” pela Polícia Civil. 

“Esse caso a gente já tem bastante coleta de informações, compilados já a dados solicitados pelo Ministério Público em nossas diligências – no entendimento do promotor isso seria necessário para complementar”, afirmou o delegado-geral da Polícia Civil, Bernardino Brito. Com diversos adiamentos de prazo, o inquérito foi solicitado pela promotora Isabel Adelaide Moura, no estado em que se apresentasse, pelo MP, e foi entregue à instituição em julho deste ano e devolvido à polícia em novembro. 

À época, o inquérito tinha 9 volumes. Segundo o delegado-geral, ainda não há previsão de quando a apuração será fechada, "porque a investigação não tem um tempo". “Garanto que a gente já deu seguimento e que o resultado eu não posso dizer aqui, mas estamos finalizando essas diligências. Não posso fazer previsão porque a gente está colhendo esse material, só quando finalizar... Algumas situações são sensíveis e a gente não pode passar”, completou Bernardino. Bahia Noticias 
Polícia Civil faz diligências a pedido do MP, mas não tem conclusão prevista Polícia Civil faz diligências a pedido do MP, mas não tem conclusão prevista Reviewed by Augusto Urgente on 28 dezembro Rating: 5