Versão da Espanha do 'Big Brother' expulsa participante após acusação de estupro

terça-feira, 7 de novembro de 2017

O programa "Gran Hermano", versão da Espanha do "Big Brother Brasil", resolveu expulsar o participante José María López, nesta segunda-feira (6), após acusação de estuprar a também confinada Carlota Prado Alonso durante uma festa. Para tal medida, a produção colocou as imagens do reality à disposição da polícia do país para a investigação.

Nas redes sociais, a emissora Telecinco, justificou a ação com um comunicado para o público. “A direção do ‘Gran Hermano’ decidiu expulsar José María pelo que considera uma conduta intolerável. Da mesma forma, foi considerado oportuno que Carlota deixe a casa.

O único expulso é José María, enquanto Carlota, seguindo as diretrizes de psicólogos, foi aconselhada a permanecer fora da casa. A porta está aberta para ela, de maneira que na quinta-feira poderá voltar ao concurso”. Vale lembrar que aqui no Brasil dois casos parecidos viraram polêmica. Em 2017, Marcos Harter foi expulso após agredir — física e psicologicamente — a então namorada Emilly e em 2012, Daniel Echaniz foi orientado a deixar a atração após assediar Monique Amin.

As informações são do Extra.

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP