Alvo da PF, prefeita já foi flagrada afirmando que desviaria 'R$ 1 bi' de obra; veja vídeo

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Um dos alvos da Operação Fraternos, deflagrada nesta terça-feira (7), a prefeita de Porto Seguro, na Costa do Descobrimento, Cláudia Oliveira (PSD), foi também protagonista de um fato polêmico há cinco anos. O fato ocorreu nas eleições de 2012, quando a atual prefeita disputava as eleições daquele ano, e foi noticiado no BN.

Em um vídeo gravado pelo marido dela, o prefeito de Eunápolis, Robério de Oliveira, também conduzido coercitivamente na ação desta terça, a então candidata afirma em tom de deboche que desviaria cerca de R$ 1 bi, de recursos da construção de uma ponte, orçada em R$ 2 bi. “Estou visitando aqui meu povo, povo da periferia.

Eu colocarei emendas, farei projeto para uma ponte que vai beneficiar aqui toda a comunidade. Uma ponte onde serão investidos dois bilhões. Um bilhão eu fico”, conta com risadas. Em um dado momento, o marido Robério adverte: “Ó rapaz, tá gravado, viu? Tá gravado tudo aqui. Tá tudo gravado e eu vou botar na Globo. Nessas coisas que sai...”. Cláudia Oliveira, Robério de Oliveira, e o prefeito de Santa Cruz Cabrália, Agnelo Santos, irmão de Cláudia, foram conduzidos coercitivamente na Operação Fraternos acusados de desviar cerca de R$ 200 milhões em contratos fraudados pelas prefeituras das cidades citadas. Fonte: Bahia Noticias

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP