Temer garantiu votos para Senado rejeitar decisão do STF contra Aécio, diz coluna

domingo, 22 de outubro de 2017

O presidente Michel Temer (PMDB) colaborou de forma ativa para ajudar a manter o senador Aécio Neves (PSDB-MG) no Congresso. Acusado de tentativa de obstrução de Justiça, o tucano teve seu afastamento determinado pelo Supremo Tribunal Federal, que impôs ainda medidas cautelares como a proibição de deixar o país e recolhimento noturno. No entanto, a medida gerou conflitos entre os Poderes Judiciário e Legislativo, que acabou por revogar a decisão da Corte. Segundo informações da coluna Radar, da Veja, Temer contatou o ex-governador André Puccinelli e garantiu os três votos da bancada sul-matogrossense a favor de Aécio. Os senadores Pedro Chaves (PSC), Simone Tebet (PMDB) e Waldemir Moka (PMDB) compuseram os 44 votos que salvaram o tucano.
Com informações de Veja.

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP