Cantor do Raça Negra fala sobre abuso infantil no “Encontro” e é detonado

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

A apresentadora Fátima Bernardes, os convidados do “Encontro” desta quinta-feira (14) e o público de casa ficaram revoltados com uma opinião emitida por Luiz Carlos, vocalista do grupo Raça Negra, durante uma discussão sobre abuso infantil.

Ele “acobertou” os homens que provocam assédio sexual contra as mulheres, dando a entender que a culpa era das meninas e de suas mães, que permitem que elas se vistam e se comportem “como mulher”, afirmando que isso não deveria acontecer.

“Temos que prestar atenção que hoje você vê uma menina de 12 anos, que quer se importar como uma mulher, então a gente tem que prestar atenção também. ‘Minha filha, eu não achei legal essa roupa’”, disparou ele, que em seguida, foi reprovado por todos.

“Você tem que falar assim ‘esse batom vai significar o quê para você?’ Esse tipo de coisa para não chamar a atenção, porque esses caras estão aí, e eles acham que, por aquele tipo de comportamento, que com 10, 11 ou 12 anos quer se vestir como uma mãe…”, disse ainda.

Nesse momento, ele foi interrompido por Fátima, que rebateu dizendo: “Pois é, Luiz. Mas aí o equívoco está no homem quem olha”. “A mulher pode sair com a roupa que ela quiser, o homem que é abusador é doente e a polícia deve prendê-lo”, disparou Lair Rennó, que foi aplaudido.

Na sequência, Luiz Carlos seguiu defendendo o seu posicionamento, mas o assunto foi explicado corretamente pelos demais que estavam no palco. Nas redes sociais, os comentários foram negativos.
Fonte: Foco

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP