Ads Top

Ads Top
recent

Tailândia estuda incluir pena de morte para funcionários condenados por corrupção

As autoridades da Tailândia estão estudando introduzir a pena de morte para alguns crimes de corrupção no país. Os funcionários condenados pelo crime cuja soma de dinheiro desviada ultrapasse os 27 milhões de dólares (cerca de R$ 86,6 milhões) teriam, que enfrentar a morte por injeção letal. Outros casos seriam tradados com condenações de até cinco anos de prisão. 

O projeto já foi aprovado pelo Comitê Diretor Nacional de Reforma, nomeado pelos militares, mas a medida ainda precisa passar pelo Executivo, Parlamento e Comitê de Constituição. Analistas acreditam que a junta militar que comanda o país possa estar usando penas mais duras contra a corrupção com o intuito de controlar os adversários. 

Pela legislação anterior, penas capitais já eram permitidas para funcionários condenados em casos de suborno, mas até hoje ninguém foi executado. No ano passado, a Anistia Internacional (AI) condenou a mudança para ampliar a pena de morte na Tailândia. Entre os crimes já puníveis com a morte estão assassinato, estupro, incêndio criminoso e traição.
Correio 
Tailândia estuda incluir pena de morte para funcionários condenados por corrupção Tailândia estuda incluir pena de morte para funcionários condenados por corrupção Reviewed by Augusto Urgente on 10 janeiro Rating: 5