Delegado apresenta as primeiras informações para o caso da morte do adolescente Edivan de Lima Silva em C. Grosso

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

O delegado de Polícia de Capim Grosso, Dr. Humberto Marino, passou informações no final da manhã desta terça-feira, 03 de Janeiro, através do REPÓRTERBAHIA.COM, a nova marca do jornalismo da Bahia, sobre a morte do adolescente Edivan Lima Silva, 14 anos, fato registro nas primeiras horas da madrugada de domingo, 01 de Janeiro, na UPA 24h, no Bairro Novo Oeste, em Capim Grosso.

De acordo com o delegado, a Polícia Civil foi acionada através da GM – Guarda Municipal – por volta das 23h50min de domingo, 01 de Janeiro. Na informação, um adolescente estaria se comportando indevidamente na Praça da Prefeitura, a ponto de agredir a senhora Maria Creuza dos Santos, moradora da Rua Novolândia, Bairro Novo Oeste, que por sinal já prestou depoimento ao delegado sobre o caso. Na versão da vítima ela teria sido agredida de forma surpreendente com um soco na cabeça, foi quando a Guarda Municipal entrou em ação conduzindo o garoto e a senhora para a UPA 24h. Em frente à unidade de saúde, o garoto começou a vomitar sendo atendido pelo médico plantonista Dr. Alan, vindo a óbito logo em seguida. Na versão do médico de plantão contada ao delegado de polícia, não havia lesões e nem tão pouco sangramento no corpo do garoto, mas como o profissional não dispõe de equipamentos adequados para a realização de exames mais precisos para detectar a causa da morte, o delegado de polícia que esteve na UPA 24h, solicitou através do DPT – Departamento de Polícia Técnica – com sede em Jacobina, a realização da necropsia, incluindo ainda na solicitação a realização de testes toxicológicos, através de exames de sangue, bem como outros materiais que contribuirão para diagnosticar com precisão a causa da morte do adolescente.

Na versão contada ainda por dona Maria Creuza, não houve registro da agressão dos prepostos da Guarda Municipal, nem tão pouco desvio de rotas, como está sendo comentado nas redes sociais. Três prepostos da Guarda Municipal acompanharam da Praça da Prefeitura até a UPA 24h o adolescente Edivan Lima Silva e dona Maria Creuza, a vítima do adolescente. Dona Maria relatou ainda que viu o garoto vomitando em frente a UPA 24h, bem como o seu encaminhamento para o interior da unidade, aonde veio a falecer.

O delegado informou ainda que o médico legista que atendeu o garoto no DPT em Jacobina passou informações extraoficiais que ficou constatado que não houve lesões de nenhum tipo no corpo do garoto, com a causa da morte sendo confirmada oficialmente mediante laudo pericial, bem como os exames complementares que foram solicitados pelo delegado que já abriu inquérito para apurar nos mínimos detalhes tudo que aconteceu em torno da morte da morte do adolescente, com depoimentos dos prepostos da Guarda Municipal, que não tiveram os nomes divulgados pelo delegado, depoimentos da vítima a dona Maria Creuza, bem como de testemunhas e que tudo será trabalhado com muita responsabilidade e compromisso com a verdade dos fatos pela Policia Civil de Capim Grosso, com inquérito sendo enviado assim que for concluído todos os procedimentos para o Ministério Público, na pessoa do Promotor Substituto, Dr. Luciano Valadares.

Dr. Humberto informou ainda que Edivan de Lima Silva teve várias passagens na delegacia por brigas, perturbação do sossego público, mas mesmo sabendo do seu comportamento, a Polícia Civil não vai medir esforços para desvendar os fatos e penalizar de acordo com a lei aqueles que porventura tiver contribuído para a morte do adolescente.

O delegado pede a compreensão da população, por sinal entende as manifestações de revolta, mas também relata que tudo deve ser feito com muita tranquilidade e responsabilidade, nada que venha envolver pessoas que até o momento são inocentes, porque não existe nenhum tipo de provas testemunhais e materiais que venham contribuir para punir quem quer seja.

Texto: Arnaldo Silva, com informações do Delegado de Polícia Dr. Humberto Marino/Foto: Reprodução Facebook.

Postar um comentário

  © AUGUSTO URGENTE DE OLHO AN NOTÍCIA! by Augusto jacobina 2013/2014 - Contatos: (74) 9125-2490 / 8107-1105 / 9935-8985 / / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP