Manobra de última hora tenta reverter rejeição de contas de ex-prefeita Valdice Castro

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Uma manobra de última hora tenta reverter a rejeição das contas, exercício de 2012 da Ex-prefeita Valdice Castro, na Câmara de Vereadores. A votação que a deixou a gestora inelegível ocorreu em março deste ano, e a época, foi aprovado o parecer do Tribunal de Contas do Município que opinava pela rejeição, os vereadores Cleriston, Ramon, Carlinhos da Caixa, Tiago, Batista, Pedro, Cecílio, Fábio Miguel, Milton Sena e Dibas. Contra a rejeição votaram Jane, Noelson, Rone do PT e Gildo Mota. Rose do Junco optou pela abstenção.

Agora, no apagar das luzes, a ex-prefeita envia um requerimento ao Legislativo, apresentado e lido na sessão desta quarta, solicitando que a rejeição de suas contas seja reavaliada pelos edis. Com o plenário quase vazio, os presentes viram o requerimento ser aprovado em votação pelos edis presentes, tendo como votos contra os da vereadora Rose do Junco e Tiago Dias. A surpresa da votação foi a abstenção do Vereador Carlinhos da Caixa, crítico ferrenho da ex-prefeita , que votou pela rejeição, mas que ontem se absteve, e Rone do Junco (PT), que votou a favor do requerimento . Já os outros votos refletem exatamente as alianças feitas para o pleito deste ano, e justamente neste novo panorama político que a ex-prefeito pode estar apostando para ter suas contas aprovadas desta vez. O jogada deixou os poucos presentes sem entender exatamente que estava acontecendo, e alguns até questionaram se ela é legal, pode as contas que foram rejeitadas duas vezes ser votada novamente? Mas ao que parece, esse tipo de artifício está virando rotina, visto que o atual gestor usou de manobra parecida para reverter sua inelegibilidade no início de seu mandato.

Questionamentos à parte, com a mudança no cenário político após as eleições para prefeito e vereadores deste ano, esta é uma boa oportunidade para os eleitores ficarem atentos e analisar a coerência daqueles que os representam, se é que esta existe.
Para que as contas passem de reprovadas a aprovadas, a prefeita precisa de 10 dos 15 votos da casa em duas votações,e a informação passada a nossa redação é que a Câmara já se apressa para realizar as duas logo esta semana que vem, para solucionar o impasse de forma rápida. É bom lembrar que as sessões são abertas e é importante a população acompanhar as votações da semana que vem de perto. A primeira acontecerá na próxima quarta, já a segunda deverá ser marcada pela mesa diretora, provavelmente para a mesma semana.

Emerson Rocha / Bahia Acontece

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP