Capital Inicial leva rock acústico para o Festival de Verão: ‘Somos quase sócios’, diz Dinho

domingo, 11 de dezembro de 2016

Capital Inicial leva rock acústico para o Festival de Verão: 'Somos quase sócios', diz DinhoCom a proposta inusitada de um show mais acústico, a banda de rock Capital Inicial levou para o Palco do Festival de Verão os sucessos mais conhecidos do grupo. Com Dinho Ouro Preto no comando, o grupo foi a segunda atração deste sábado (10), primeiro dia da 18ª Edição, que acontece pela primeira vez na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Um dos hits que mais chamaram a atenção com a nova proposta montada para a apresentação da banda foi Eu Nunca Disse Adeus. “Trouxemos um rock’n’roll acústico turbinado. Mas não se enganem, ainda é puro rock’n’roll. Se segurem que o bicho vai pegar”, disse o líder da banda no início do show.

As primeiras músicas apresentadas pela banda foram Mais, Independência e Depois da Meia Noite. Outras músicas que também embalaram o público foram Quatro Vezes Você, O Mundo e Eu Nunca Disse Adeus, mas o que fez o público vibrar de verdade foi Olhos Vermelhos, do álbum Rosas e Vinho Tinto, de 2002, que também fez parte da trilha sonora do filme Dom (Moacyr Góes/2003).

Na frente do palco, o contador Luis dos Santos aproveitou cada segundo do show de Capital Inicial e se emocionou com Olhos Vermelhos. “É uma música que me toca bastante”, disse.
Continue lendo...
“A gente tá na estrada há tantos anos que tem músicas que esquecemos e simplesmente somem do repertório. E essa música ficamos anos sem tocar”, comentou Dinho. Ele também comemorou mais uma participação no evento. “Se não me engano, está é nona participação do Capital no Festival. Já somos quase sócios da parada. É um privilégio e uma puta responsabilidade. A gente vai dar nosso sangue e suor para vocês hoje”, disse.

Já no final do show, foi a vez da banda se encantar com participação do público. A plateia cantou maior parte da música À Sua Maneira sozinha. Logo depois, a surpresa para o público foi a participação de Thiago Castanho, ex-guitarrista da banda Charlie Brown Jr, que tocou e cantou a música Proibida Pra Mim.

“Essa daqui foi para o Champignon, mas vamos cantar uma inteira do Charlie Brown”, disse Dinho, sobre a homenagem ao músico encontrado morto em 2005. Juntos, Thiago e Capital cantaram Me Encontra.

O repertório também contou com clássicos do repertório do Capital, como Musica Urbana, Fátima, Veraneio Vascaína, Que País é Esse?, Natasha e o fim emocionante foi com Primeiros Erros, quando o público repetiu a animação e cantou trechos da música sozinho.

O som da guitarra ecoando pela Fonte Nova transformou o fim da tarde do primeiro dia de Festival de Verão. Ao pôr do sol, os fãs da banda não perderam a oportunidade de cantar os grandes sucessos como À Sua Maneira, que fez muita gente pular, como a estudante de direito Inaiá Ornelas, 20. “Eu gosto muito de Capital. Sempre que eles estão aqui, eu venho assistir o show. Também quero acompanhar O Rappa, mas o Capital é mais difícil de vir a Salvador”, disse a estudante. Ela não economizou nos gritos e aplausos durante o show.

Amiga de Ianiá, a estudante Rute Santos de Jesus, 23, também considera que a banda de rock é essencial na grade do evento. “Gosto muito do Capital. É um clássico do Festival de Verão. Se eles não vêm, a gente sente falta”, opinou.

Os fãs que estavam na frente do palco, sacou os celulares para fazer selfies e filmar quando os integrantes se aproximaram. “É a oportunidade de guardar isso para sempre”, disse o estudante Lucas Vinícius, 20.
Correio 

Postar um comentário

  © AUGUSTO URGENTE DE OLHO AN NOTÍCIA! by Augusto jacobina 2013/2014 - Contatos: (74) 9125-2490 / 8107-1105 / 9935-8985 / / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP