Homem se passa por mulher e marido da vítima em WhatssApp para estorquir

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

O homem preso após fingir ser uma mulher e o companheiro dela para extorquir uma vítima de 50 anos no município de Mata de São João, na região metropolitana de Salvador, disse que a intenção não era tirar dinheiro do conhecido e sim dar um susto "pra ele aprender a respeitar mulher dos outros".

Paulo José Soares Batista, o Galego, de 35 anos, afirmou que o homem não respeitava nenhuma mulher e, inclusive, já tinha flertado com a ex-mulher dele. O suspeito afirmou que usava a foto de uma mulher em seu perfil do WhatsApp e a vítima puxou conversa com ele, pensando que se tratava de uma mulher e começou o flertar. 

O delegado Giovanni Iran, que investigou o caso, informou que Galego se passou por uma mulher e começou a conversar com a vítima. Depois, ele se passou por um traficante, que seria companheiro da mulher, e pediu R$ 5 mil para o homem.

Ainda segundo a polícia, Galego chegou a ligar para a vítima dizendo que conhecia o traficante e disse que ele era perigoso. O homem teria dito que não tinha o dinheiro e o suspeito sugeriu que a vítima vendesse os móveis da casa para levantar a quantia exigida. O homem chegou a deixar a casa onde morava com a família com medo do suposto traficante traído e depois procurou a polícia. R7

Postar um comentário

  © AUGUSTO URGENTE DE OLHO AN NOTÍCIA! by Augusto jacobina 2013/2014 - Contatos: (74) 9125-2490 / 8107-1105 / 9935-8985 / / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP