Para afastar mosquito da malária, cientistas planejam mudar 'sabor humano'; entenda

sábado, 22 de outubro de 2016

De acordo com um estudo publicado pelo jornal Nature, o cérebro dos mosquitos faz associações não apenas com o cheiro, mas com o sabor dos humanos, o que possibilita a criação de uma preferência. Com essa descoberta, cientistas estão buscando novos métodos de repeli-los. "Todos os mosquitos, incluindo aquele que transmite a malária, usam o olfato para encontrar um hospedeiro e se alimentar de sangue. Nosso objetivo é permitir que os mosquitos nos contem que cheiro eles acham repugnante, para que possamos usar esse odor e fazer com que eles parem de nos morder", explica Christopher Potter, professor assistente de neurociência da Universidade Johns Hopkins. 
Informações do jornal Nature

Postar um comentário

  © Augusto Urgente De olho na Notícia! by Augusto Jacobina 2013/2017 - Contato: (74) 9125-2490 / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP