recent

Cunha vai dizer em livro que impeachment de Dilma foi ‘golpe parlamentar’, afirma coluna

O ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) vai dizer no livro que promete lançar em dezembro que o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff foi um “golpe parlamentar”. Entretanto, a tese a ser sustentada não é tão favorável ao PT. De acordo com a coluna Lauro Jardim, do jornal O Globo, Cunha deve argumentar no livro que o processo foi semelhante ao de Fernando Collor, em 1992: um golpe parlamentar, mas feito com apoio incondicional do PT. Ainda segundo a publicação, o deputado cassado pretende escrever outro livro, que pretende lançar no início de 2017, com o nome “Delação não premiada”. A interlocutores, Cunha teria dito que já separou sua agenda de compromissos dos últimos para relatar encontros pouco republicanos, citando nomes. A publicação do primeiro livro, entretanto, possui um entrave. Ele pede a editores adiantamento de R$ 1 milhão, além de um percentual de 20% sobre cada exemplar vendido. Os valores são considerados fora da realidade para o mercado editorial do Brasil. Nas redes sociais, no entanto, Cunha negou as informações veiculadas na coluna de O Globo. Em postagens no Twitter, o peemedebista disse que a publicação é “absolutamente fantasiosa e cheia de detalhes inexistentes”. Ele também negou ter negociado procurado alguma editora para publicar a obra e planejar um segundo livro. Cunha chamou o jornalista de “pilantra” e “mau caráter”. Com informações do jornal O Globo.

Cunha vai dizer em livro que impeachment de Dilma foi ‘golpe parlamentar’, afirma coluna Cunha vai dizer em livro que impeachment de Dilma foi ‘golpe parlamentar’, afirma coluna Reviewed by Augusto Urgente on 25.9.16 Rating: 5