Cadeirante pode ter sido executado por facção criminosa

sábado, 10 de setembro de 2016

A execução do cadeirante Eduardo Santos Silva, de 42 anos, foi filmada e divulgada nas redes sociais. No vídeo, é possível ver o momento em que uma arma é apontada e disparada contra o rosto da vítima. O vídeo tem aproximadamente 50 segundos de duração e, apesar de estar sem áudio na maior parte do tempo, é possível perceber que Eduardo é interrogado pelos executores. No único trecho com som, Eduardo assume ter errado, mas não diz qual foi o erro. "Eu errei. Errei porque deixei me levar pelas aparências. Como todo mundo erra, eu errei", disse ele.

O cadeirante foi assassinado por volta das 21h50 de quinta-feira, 8, dentro do apartamento onde morava, no Condomínio Recanto dos Pássaros, no bairro de Vida Nova, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador. Policiais da 22ª CIPM (Simões Filho) receberam a informação de que Eduardo foi assassinado por pessoas do condomínio, após perder o celular no qual havia vídeos em que ele mantinha relações sexuais com adolescentes.

"Chegou ao nosso conhecimento que a motivação foi a pedofilia, os vídeos em que ele faz sexo com crianças. Tem um vídeo dele rolando nos grupos do WhatsApp da cidade", afirmou o capitão Evaristo Alves Brandão, subcomandante da 22ª CIPM. Segundo o oficial da PM, há intenso tráfico de drogas no condomínio controlado pela facção criminosa Bonde do Maluco (BDM). A polícia não descarta a possibilidade de a execução ter sido feita por integrantes da facção. A reportagem apurou que o crime foi praticado por três homens, que arrombaram a porta para ter acesso ao imóvel.

O delegado Ciro Palmeira, titular da 22ª DT (Simões Filho), diz que essa versão da motivação o crime ainda é investigada. "Não confirmamos nem essa nem outra versão", afirmou, ressaltando que não há registro de queixa contra Eduardo na delegacia. CDP

Postar um comentário

  © AUGUSTO URGENTE DE OLHO AN NOTÍCIA! by Augusto jacobina 2013/2014 - Contatos: (74) 9125-2490 / 8107-1105 / 9935-8985 / / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP