Polícia desvenda caso e nadador confirma que não houve assalto no Rio

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A polêmica que envolveu os nadadores americanos nos Jogos Olímpicos finalmente foi desvendada em coletiva na tarde desta quinta-feira (18). De acordo com o chefe da Polícia Civil, Fernando Veloso, não houve assalto, mas uma confusão num posto de gasolina. Os atletas Gunnar Bentz e Jack Conger prestaram depoimento nesta quinta. Um deles confirmou as suspeitas da polícia. Entretanto, Veloso não soube dizer qual dos atletas revelou a farsa. "Em tese, eles podem vir a responder por falsa comunicação de crime e dano ao patrimônio", explicou Veloso.

"O carioca viu nome da cidade manchado por essa versão fantasiosa. Seria nobre e digno pedir desculpas. Por hora, não houve", disse. De acordo com os nadadores, Ryan Lochte seria um dos pivôs da confusão. No entanto, o chefe da Polícia disse que é ‘prematuro’ atribuir ao atleta a invenção da mentira. Ele ainda salientou que não acha necessário manter os nadadores no país, e irá devolver os passaportes de Gunnar Bentz e Jack Conger. Já James Feigen, outro nadador envolvido na polêmica, garantiu que irá contribuir com as investigações. CDP

Postar um comentário

  © AUGUSTO URGENTE DE OLHO AN NOTÍCIA! by Augusto jacobina 2013/2014 - Contatos: (74) 9125-2490 / 8107-1105 / 9935-8985 / / E-mail: cidadedoouro@globomail.com

Back to TOP